Saltar diretamente para o conteúdo

Voltar à página anterior. Biblioteca

O Museu Bordalo Pinheiro dispõe de uma Biblioteca especializada na obra do artista. Integra publicações periódicas de época e obras de referência para o estudo do contexto histórico e artístico de Rafael, onde sobressaem temas bordalianos, o desenho humorístico, a caricatura e a cerâmica.

A Biblioteca foi inicialmente constituída por Ernesto Cruz Magalhães em associação ao projeto de criação do Museu. As publicações pertencentes ao espólio do colecionador contêm anotações e comentários referentes à obra do artista e dedicatórias, revelando a rede de contactos e afetos de Cruz Magalhães, incluindo o Grupo de Amigos e Defensores do Museu.

A Biblioteca manteve a estrutura proposta pelo fundador aquando da criação do Museu, em 1916. Dez anos depois, por altura da doação do Museu à Câmara Municipal de Lisboa, contava com mais de 3000 títulos. Desde então, a Biblioteca tem sido enriquecida com a incorporação de novas publicações, possuindo mais de 4000 títulos – cerca de 2300 periódicos encadernados, em avulso e em forma de recorte, mais de 1500 monografias e de 400 catálogos e ainda cerca de 250 publicações pertencentes ao fundo reservado.
De acesso condicionado, a Biblioteca destina-se sobretudo à pesquisa por parte de estudantes, investigadores e artistas.

Para consultar as obras é necessário efetuar uma marcação prévia.

informações e contactos
Cláudia Freire | Museologia e Documentação
claudiafreire@egeac.pt
+351 215 818 546